MIG 31K com o míssil balístico Kh-47 M2- Foto: Arquivo TASS

 A Rússia testou em meio ao ártico o míssil balístico Kh-47M2 Kinzhal, o armamento foi transportado por um caça interceptador MIG-31K.

“Os testes foram realizados em meados de novembro.O míssil foi lançado em um alvo terrestre localizado no campo de treinamento de Pemboy, a partir do avião MiG-31K, decolando do aeroporto de Olenegorsk”, disse um dos interlocutores da agência”.

O Kh-47M2 Kinzhal (nome da OTAN SA-N-9 Gauntlet) é uma das seis novas armas nucleares estratégicas em desenvolvimento na Rússia, pode atingir até 10 Machs. Vários deles foram destacados por  Vladimir Putin em seu discurso presidencial na Assembléia Federal em 1 de março de 2018.

MIG-31 com o míssil Kinzha. Foto- Piotr Butowski/ Aviation Week

O “Dagger” é o mais novo complexo aéreo russo, que inclui a aeronave MiG-31K e um míssil hipersônico. Segundo relatos da mídia, o míssil Dagger é uma versão de aviação do complexo de mísseis Iskander. Atualmente, um esquadrão MiG-31K com mísseis hipersônicos no Distrito Militar do Sul está em serviço de combate piloto.

O Serviço de Inteligência de Defesa da Dinamarca disse em seu relatório anual de avaliação de risco na sexta-feira que “está sendo formada uma grande jogada de poder” entre a Rússia, os Estados Unidos e a China, o que está aumentando o nível de tensão na região do Ártico.

 

Fontes de apoio: TASS e Thebarentsobserver