Gripen E saab meteor iris-t mísseis
Gripen E sueco voando com quatro mísseis Meteor e dois mísseis IRIS-T. Foto: Saab

A Saab recebeu um pedido da Administração Sueca de Material de Defesa (FMV) para o desenvolvimento e integração de um novo sistema de lançamento de mísseis para o Gripen C/D e Gripen E. O pedido, avaliado em aproximadamente 400 milhões de coroas suecas, foi feito durante o primeiro trimestre.

Segundo a Saab, o contrato inclui o desenvolvimento e integração de um novo sistema de lançamento de mísseis ar-ar e cápsulas de contramedidas nos Gripens C/D e E. O contrato também inclui opções para pedidos em série subsequentes de sistemas de lançadores.

Caça JAS-29C Gripen da Força Aérea Sueca, armado com mísseis AMRAAM e Sidewinder. Foto: Saab.

Os lançadores podem ser integrados a variantes existentes de pylons de armas e podem transportar todos os mísseis ar-ar usados pelo Gripen.

“A integração do novo sistema de lançamento é um componente importante para garantir a alta disponibilidade contínua do sistema Gripen. Após a entrega, a manutenção dos sistemas de lançamento será realizada na Suécia, o que contribui ainda mais para um fornecimento seguro de equipamentos de defesa para nossos clientes”, diz Åsa Schöllin, chefe da unidade de negócios Gripen Sustainment.

Gripen E Meteor Irist mísseis
Gripen E com sete mísseis meteor de longo alcance e dois IRIS-T de curto alcance. Foto: Saab.

O lançador é montado nos pylons de armas da aeronave e possui uma conexão sofisticada entre a aeronave e as armas montadas no lançador.

Atualmente a Força Aérea Sueca emprega mísseis ar-ar AIM-9 Sidewinder, AIM-120 AMRAAM, IRIS-T e Meteor com os Gripens. 

Via Saab.