LATAM
Foto - Divulgação

Um ataque hacker que atingiu a SITA, uma multinacional que fornece sistemas de gerenciamento de dados para companhias aéreas, pode ter afetado os clientes da LATAM.

De acordo com a companhia, alguns clientes do programa LATAM Pass foram afetados pelo ataque hacker. Estes foram avisado por e-mail sobre o comprometimento dos dados, apesar disso, a companhia ressalta que não houve vazamento de dados sensíveis, como cadastro de cartões de crédito/débito, número de conta bancária e dados de identificação pessoal.

Os dados vazados incluem os nomes dos clientes e sua categoria no programa de milhagens. Cerca de 8% dos membros de todo o programa LATAM Pass foram afetados por este vazamento.

A recomendação aos clientes LATAM Pass é de atualizar as suas senhas de login, para evitar o roubo de mais dados a partir do banco de dados já comprometido.

Outras companhias aéreas também foram afetadas por esse vazamento nos sistemas da SITA, porém, cada companhia aérea deve informar aos seus clientes as recomendações necessárias de ação individual.

“A SITA confirma que foi vítima de um ataque cibernético, levando a um incidente de segurança de dados envolvendo certos dados de passageiros que foram armazenados nos servidores do SITA Passenger Service System (US), que opera sistemas de processamento de passageiros para companhias aéreas”, disse a empresa em nota oficial.