A Swiss e Austrian Airlines podem operar no futuro com o recém encomendado Boeing 787-9 Dreamliner, em um total de 20 aeronaves que devem ir para o Grupo Lufthansa.

O Grupo Lufthansa ainda não divulgou em que companhia deseja operar as aeronaves 787-9 Dreamliner, mas no release apresentado, curiosamente as pinturas da Austrian e Swiss apareceram, enquanto o A350 foi representado somente nas cores da Lufthansa.

As companhias também precisam de algumas aeronaves futuramente, para substituir aviões antigos.

A Swiss ainda opera com o Airbus A340-300, e planeja continuar com esta aeronave por mais alguns anos. Já a Austrian opera seus voos de longa distância com uma dúzia de aviões Boeing 777-200ER e 767-300ER.

Enquanto isso a Lufthansa acumula muitas encomendas para o A350-900, nesta semana ela encomendou mais 20 aviões deste modelo, e ainda vai começar a receber o primeiro 777-9X em 2020.

A Lufthansa planeja diminuir a complexidade da frota do grupo, simplificando a frota com pouca variedade de aviões, a companhia já demonstrou interesse em retirar da sua frota os aviões do modelo A340, 747-400 e A380. Possivelmente a Swiss também deixará de operar com o A340 por determinação dessa “padronização”.