Foto - Infraero

Na manhã deste sábado (16/06) a nossa equipe recebeu um aviso sobre uma falha de energia na TMA São Paulo, o centro de controle que gerencia os aviões na aproximação com os principais aeroportos de São Paulo, como Guarulhos, Congonhas, Campo de Marte e Viracopos.

Essa falha no fornecimento de energia para os equipamentos do local gerou uma série de voos alternados para outros aeroportos, e vários voos que partiriam de São Paulo entre 08h15 a 09h20 foram atrasados.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Navegação Aérea (CGNA) com a falha a TMA São Paulo conseguiu se comunicar com as aeronaves apenas por rádio, sem os radares disponíveis. Dessa forma o tráfego aéreo foi subitamente limitado devido à falta de condições de segurança, causando as alternâncias de destino dos voos.

Os voos que não fizeram órbitas foram direto para outras cidades, como Brasília, que recebeu um Boeing 767-300ER da United, e o Galeão, que recebeu boa parte das aeronaves que seguiriam para Guarulhos e Congonhas.

Os passageiros que precisavam embarcar nos três principais aeroportos da Terminal São Paulo relataram que todos tinham muitas filas e superlotação.

As operações já foram normalizadas nesta tarde de sábado, mas as companhias ainda enfrentam alguns problemas com o gerenciamento da malha.