F/A-18C da US Navy. Foto - Marinha dos EUA

Nesta semana acontecerá o último voo de um F/A-18C Hornet do VFA-34 “Blue Blasters”. O esquadrão é o único de caça aeronaval que opera com os F/A-18 Hornet.

Entre 5 de janeiro e 11 de abril de 2018, a unidade concluiu a última missão de combate a bordo de um porta-aviões: como parte do CVW-2, o VFA-34 participou de uma implantação do Westpac que incluiu uma chamada no Vietnã.

A retirada de serviço do Hornet não significa o fim das atividades do esquadrão, mas sim uma renovação visto que o esquadrão irá operar uma versão mais moderna dos antigos Hornets, os F/A-18 Super Hornet.

F/A-18 Super Horney Foto U.S. Navy/Reprodução

Ainda vamos conseguir ver alguns Hornets voando, os Blue Angels continuarão voando seus Legacy Hornets durante a transição para os Super Hornets. Já outros Legacy Hornets permanecem em serviço com a Marinha dos Estados Unidos, até que tenha a completa introdução do F-35B, que aos poucos irá se adequar na frota de caças da US Navy.

Outro caça que está sendo introduzindo dentro da Marinha é o F-35 da versão C, que se prepara para estar a bordo do USS Carl Vinson em 2021. Alguns caças F-35C já estiveram a bordo de outro porta-aviões, como o USS Nimitz, em uma implantação de 6 meses.

F-35B da US Navy. Foto – U.S Navy