Veja o primeiro Airbus A380 desmontado e preparado para virar sucata

A Tarmac Aerosave concluiu recentemente, após 11 meses de trabalho, a desmontagem inicial de um Airbus A380, que antes operava pela Singapore Airlines.

Mas esse processo de demolição é muito mais do que apenas cortar a estrutura com uma serra elétrica. Os mecânicos precisaram trabalhar em uma complicada e cuidadosa desmontagem dos componentes.

Essa unidade da foto acima foi uma das primeiras de série fabricadas pela Airbus. Cerca de 90% dos componentes recicláveis foram reaproveitados para a venda de peças usadas, cada uma testada e certificada antes de ser repassada aos clientes.

O resto da estrutura será armazenada por enquanto, e depois picotada para ser revendida como alumínio e aço reciclável, ganhando vida em novos projetos. Alguns componentes, como o leme e os flaps, foram desmontados e serão reaproveitados em outras aeronaves.

Tarmac tem mais de 200 aviões parados, aguardando a reciclagem dos componentes.

A Tarmac Aerosave tem uma segunda unidade do A380, também proveniente da Singapore Airlines, e planeja realizar o desmonte em breve.

Com toda essa demora para desconstruir parte de uma aeronave, pelo menos agora a Tarmac ganhou Know How para realizar o Check-B de aviões A380, e planeja fazer um já em 2020, faturando também com as aeronaves que estão na ativa.

DEIXE UMA RESPOSTA