• Instagram
  • Feed
  • Telegram
  • Youtube

Vídeo: Motor de Boeing 737 tem princípio de incêndio durante a decolagem

Boeing 737 Air Índia Express incêndio motor
Foto: Reprodução

Na manhã desta última quarta-feira (14) um Boeing 737 da companhia aérea Air Índia Express teve sua decolagem abortada em razão de um princípio de incêndio no motor.

O Boeing 737-800 de matrícula VT-AXZ estava com 145 passageiros e mais seis tripulantes que realizavam o voo IX442 da Air Índia Express que tinha a origem no Aeroporto de Mascate no Omã com destino a Kochi na Índia.

Aviation Herald relata que os pilotos não receberam o alarme de princípio de incêndio em um dos motores do Boeing 737 mas que foi percebida uma fumaça por outra aeronave que estava taxiando no momento.

A aeronave da Air Índia Express estava no início da corrida para decolagem quando os pilotos decidiram abortar a decolagem a cerca de 40 nós de velocidade. O Boeing 737-800 deixou a pista 08L em uma táxiway mais próxima e assim que a parada total da aeronave foi efetuada, o comando de evacuação foi feito.

“Enquanto estava na pista de táxi, outra aeronave relatou ter observado fumaça de um dos motores. No entanto, não havia nenhuma indicação de alerta de incêndio no cockpit”, diz um porta-voz da companhia.

A Air Índia Express disse ainda que os pilotos do voo IX442 seguiram os procedimentos, e ativaram os extintores de incêndio no motor como forma de precaução. 

No momento da evacuação todos os passageiros conseguiram sair com segurança porém 14 deles acabaram se ferindo mas sem correr riscos.

O Departamento de Segurança de Voo da companhia aérea iniciou uma investigação para apurar o incidente. No momento, o Boeing 737-800 VT-AXZ permanece em solo, os passageiros foram realocados em outros voos da empresa aérea.

 

 

Com informações do Aviation Herald

 

Quer receber nossas notícias em primeira mão? Clique Aqui e faça parte do nosso Grupo no Whatsapp ou Telegram.