Um pequeno avião bimotor, um Fairchild Metro Liner MkIII, caiu após decolar do Aeroporto Internacional de Malta na manhã desta segunda-feira (24/10).

A aeronave explodiu no impacto com o solo, causando a morte das cinco pessoas a bordo, de nacionalidade francesa. O avião foi registrado nos Estados Unidos e alugado para uma empresa de Luxemburgo.

Em um primeiro momento, a imprensa local informou que o avião era utilizado pela Agência Europeia para a Gestão da Cooperação Operacional nas Fronteiras Exteriores (Frontex) e ia para Misurat, na Líbia. “O voo não tem qualquer vínculo com as atividades da UE”, afirmou no Twitter a chefe de diplomacia europeia, Federica Mogherini, segundo a France Press.

O aeroporto ficou fechado por quatro horas, enquanto os destroços foram retirados do local, atrasando mais de uma dúzia de voos, de acordo com um aviso no site do aeroporto.

 

This post is available in: pt-brPortuguês