A Airbus citou um ligeiro atraso no desenvolvimento nos motores do Airbus A330neo, feito pela Rolls-Royce a partir da linha Trent. Apesar disso a Airbus está mantendo o cronograma para realizar o primeiro voo nos meses iniciais de 2017, com a primeira entrega em 2018.

Fabrice Bregier disse durante uma reunião em Toulouse que a Rolls-Royce atrasou o desenvolvimento do motor Trent 7000, ele ressaltou que esse fato não se deveu ao desempenho do motor, mas um pequeno problema na planta de montagem, que também é responsável pelos motores dos jatos A350-900/-1000 e Boeing 787.

Mesmo assim a Airbus garantiu que o cronograma do A330neo suporta alguns atrasos de pequena duração e que é possível entregar a aeronave já em 2018. A TAP Portugal será a cliente de lançamento da aeronave. A Airbus espera também aumentar o alcance inicial do A330neo, indicado anteriormente em projeto.

 

Fonte – FlightGlobal

 

COMPARTILHAR