A-10C Thunderbolt II pintado com o esquema Southeast Asia. Foto: A-10 Demo Team.

Um jato de ataque ao solo A-10 Thunderbolt II foi apresentado ontem (26) na Base Aérea de Davis-Monthan (Arizona) pintado, de maneira comemorativa, com o esquema Southeast Asia, extensivamente usado por aeronaves a Força Aérea Americana (USAF) durante a Guerra do Vietnã. 

A aeronave da 335ª Ala de Caça Tática (335th TFW), que será usada pela Equipe de Demonstração do A-10 (A-10 Demo Team), também conta com os nomes de militares da unidade que foram mortos ou feitos prisioneiros de guerra durante o conflito. 

Atualmente a 335th TFW é a principal unidade de voo sediada em Davis-Monthan, base mundialmente famosa por ser também a sede do “cemitério de aviões” da USAF.

Veteranos observam os nomes de militares da 335th TFW mortos ou feitos prisioneiros na Guerra do Vietnã. Foto: A-10 Demo Team.

De acordo com o The War Zone, a unidade operou caças-bombardeiros F-105 Thunderchief e aviões de ataque A-7 Corsair II em bases aéreas na Tailândia entre os anos 60 e 70. 

Recentemente (2017 e 2019), dois A-10 receberam pinturas comemorativas da Segunda Guerra Mundial, em homenagem aos P-51 Mustang, provavelmente o caça americano mais famoso do período. 

Ainda nessa semana, um A-29B Super Tucano da USAF foi flagrado em Denver ostentando um esquema comemorativo, também inspirado na pintura de caças P-51 Mustang que operaram no teatro da Birmânia, atual Myanmar. 

A pintura Southeast Asia (abreviada SEA) foi extensivamente usada em uma grande variedade de aeronaves da USAF, desde os A-1 Skyraider, passando pelos F-4 Phantom II até os bombardeiros B-52 Stratofortress. 

No A-10 a pintura nunca foi usada operacionalmente. No entanto, o mesmo A-10 que recebeu o esquema SEA, matrícula 81-0962, já foi pintado com o esquema Europe One, outro padrão de pintura da USAF muito famoso.

O A-10 Thunderbolt II 81-0962 pintado com o esquema Europe One na década de 90. Foto: USAF.

Desenvolvido pela Fairchild-Republic entre os anos 60 e 70 no âmbito do programa A-X, o A-10 Thunderbolt II é um jato de ataque ao solo bimotor, cuja principal missão atualmente é o suporte aéreo aproximado para tropas em solo. 

A característica mais famosa da aeronave é o seu canhão rotativo GAU-8/A Avenger de 30mm, desenvolvido para a neutralização e destruição de tanques soviéticos durante a Guerra Fria. 

O avião também é bastante chamado de Warthog, apelido “maldoso” que recebeu pela sua semelhança com uma espécie de javali africano. 

Confira abaixo mais imagens do A-10 com a pintura SEA. 

Este slideshow necessita de JavaScript.