Acidente com caça A-4AR da Argentina durante treinamento mata piloto

Um caça McDonnell Douglas A-4AR da Força Aérea Argentina caiu nessa quarta-feira (5), na região sul de Córdoba. O piloto do caça conseguiu se ejetar, mas faleceu devidos aos graves ferimentos.

O acidente aconteceu por volta das 10h05 da manhã (horário local). O local da queda foi em um campo perto da Villa Valeria, Córdoba, o caça estava realizando um voo de treinamento.

A Força Aérea Argentina (FAA), lamentou a morte do capitão Gonzalo Britos Venturini, em uma publicação no perfil oficial da FAA no Twitter.

Segundo relatos o piloto chegou a fazer contato com a torre dizendo que estava acontecendo alguma falha.

Contudo, uma investigação mais aprofundada será feita para determinar o que de fato aconteceu com o A-4AR da FAA.

De acordo com o site Fighter Jets World, a FAA tem apenas seis A-AR em operação. Em 1997 foram compradas 36 unidades do caça.

No entanto, a FAA já vem trabalhando com planos de reativar mais 12 unidades deste caça. 


 

DEIXE UMA RESPOSTA