Foto - ME/Portal da Copa

As obras de ampliação e modernização do Aeroporto de Recife foram iniciadas nesta semana, através da Aena Brasil, responsável pela concessão do aeroporto.

As obras devem contemplar banheiros, sistemas de climatização, acessibilidade e sinalização. Ao todo serão três blocos de investimentos, sendo o segundo, na área de operações, tem previsão para ser entregue até junho de 2023.

As obras da primeira fase serão finalizadas até maio deste ano. As “pequenas” alterações podem dar outra cara ao terminal, que há tempos pede uma revitalização visual em seu interior.

Aeroporto de Recife

“As obras visam dar mais conforto e melhorar a qualidade de atendimento ao passageiro. Pedimos desculpas pelos transtornos iniciais, mas, ao final do processo, poderemos oferecer um terminal melhor para os nossos usuários”, disse Diego Moretti, diretor do Aeroporto Internacional do Recife.

Anteriormente as obras foram atrasadas devido às restrições da pandemia, em 2020.

O Aeroporto de Recife se destaca por ser um dos principais hubs da Azul, além de receber diversos voos cargueiros durante a semana, sendo também um dos principais do nordeste neste sentido.

“Agora começamos a retomar as operações e já temos as datas de investimentos. Esse primeiro bloco de reformas será para requalificação de banheiros, melhoria na climatização, sinalização e outras ações imediatas. Para os seis aeroportos, o valor será de cerca de R$ 120 milhões”, comentou o presidente da Aena Brasil, Santiago Yus.