Air Astana 2021 Companhia Aérea
Foto - Divulgação

O ano de 2020 foi difícil para todas as companhias aéreas, o ano de 2021 é primordial para algumas empresas. Para a Air Astana, o ano de 2020 representou uma grande queda no volume de passageiros, com 36% de queda. 

A companhia do Cazaquistão mostrou alguns sinais de uma possível recuperação ainda em 2020, depois do pico da pandemia. Vindo de um 2019 onde o país foi considerado o mercado doméstico com mais avanço mais rápido do mundo. Graças ao resultado significativo em 2020, mesmo diante da crise, a Air Astana pode esperar um 2021 melhor.

“A Air Astana está estimando o desempenho financeiro para os meses combinados de janeiro e fevereiro de 2021 em seu nível mais alto desde 2017”. Disse a Air Astana.

Como se tornou comum entre as companhias aéreas, parte dos bons resultados da companhia aérea veio através do seu Boeing 767-300 que foi convertido em cargueiro, e realizou um número considerável de voos. 

Entre as medidas da empresa, estavam a criação de rotas voltadas para o lazer e também a retomada dos voos internacionais. As mudanças para economizar combustível e dinheiro fizeram a empresa também mudar a sua frota. A Air Astana aposentou 2 Boeings 757, que tinham 20 anos de uso juntamente com o Embraer 190.

Agora o foco está em utilizar o Boeing 767-300 que tem uma média de 7 anos de uso e o Airbus A321LR para os voos internacionais. A companhia ainda possui 1 Airbus A320ceo de 13 anos e mais 5 A320neo. A Air Astana ainda conta com os novíssimos Embraer 190-E2, que estão sem voar por enquanto.

Um dos grandes motivos de fazer a empresa voltar a ter ótimos resultados foi a criação de sua subsidiaria low-cost. A FlyArystan é uma empresa voltada a ter preços extremamente baixos no mercado doméstico no Cazaquistão. Somente em 2020, a empresa obteve 110% do crescimento de passageiros. 

Somando todos os fatores, a empresa está otimista com o ano de 2021, a começar pelos bons resultados nos dois primeiros meses do ano. A longo prazo, a Air Astana espera ter uma boa margem de lucro pelos próximos 4 anos.