Alitalia continuará oferecendo serviços “premium” nos seus voos

Alitalia

Muito falamos nos últimos meses sobre a reestruturação da Alitalia, que já estava em crise mas nessa pandemia sofreu uma reviravolta. A companhia atualmente tem participação majoritária do Governo Italiano desde 2017, e o mesmo está buscando tornar a Alitalia novamente rentável.

Mas recentemente Fabio Lazzerini, novo CEO da Alitalia, ressaltou que a companhia pode manter o seu padrão de voos e serviços. Isso significa que nas mãos do governo dificilmente a Alitalia será uma companhia no estilo Low Cost.

Anteriormente essa possibilidade estava sendo discutida, de uma redução no número de serviços não pagos, pela ampla concorrência com aéreas Low Cost. Essa era uma forma de adaptar a empresa aos novos tempos.

No entanto Lazzerini vê um horizonte no cenários das companhias aéreas “premium”, ou seja, que oferece um serviço completo. Da bagagem despachada até a comida a bordo.

Não há novidades no serviço premium. Apesar do crescimento acelerado das Low Costs nos últimos anos, outras companhias da Europa como a Air France, KLM e Lufthansa, continuam oferecendo serviços premium em voos de curta distância.

Lazzerini afirmou que um comitê do governo está avaliando a possibilidade de repassar a empresa novamente para o setor privado. Antes, a Alitalia vai receber uma injeção estatal de até 3 bilhões de euros.

 

DEIXE UMA RESPOSTA