Antonov An-225 Ucrânia
Foto: Dubai Airport

O Antonov An-225 está novamente de volta aos voos, após 10 meses em solo. A aeronave voou novamente no último dia 04 de junho, decolando e pousando em Kiev, na Ucrânia, para um voo de testes.

O voo de testes, antes do An-225 voltar às operações, durou aproximadamente uma hora, com alguns minutos adicionais. Como sempre, os testes incluíram a pressurização da cabine, atingindo a altitude de 33 mil pés e algumas manobras.

O voo foi totalmente registrado pelo piloto Dmytro Antonov no vídeo abaixo:

“Estávamos todos esperando que isso acontecesse, e agora esse dia chegou! A maior aeronave do mundo, o An-225 Mriya, voltou aos céus. Fizemos um pequeno voo com o avião. À frente, ele está esperando para trabalhar, e isso significa voltar para o céu!”, disse o piloto em seu vídeo.

O avião agora ficará disponível para o transporte de grandes cargas na Antonov Airlines. Neste período de 10 meses sem operar voos, o Antonov An-225 ficou estocado, mas dois motores dele foram retirados para apoiar as operações do An-124, o irmão menor do An-225, mas que da mesma forma é um dos maiores cargueiros do mundo.

Os outros motores D-18T foram revisados pela fabricante Ivchenko Progress, como publicamos em junho de 2020. O An-225 até foi colocado em condição de “ativado”, em dezembro do ano passado, após problemas nos motores do An-124.

O avião foi utilizado nos primeiros meses da pandemia para transportar à vários países uma enorme quantidade de suprimentos hospitalares, e com certeza, fez a diferença em um momento ímpar da humanidade com sua capacidade de levar até 250 toneladas.

O Antonov An-225 pode transportar até 250 toneladas de carga, de acordo com a fabricante. A carga única mais pesada já transportada pelo An-225 teve um peso máximo de 187,6 toneladas.

A aeronave tem 88 metros somente de envergadura (asa), e você pode conferir mais curiosidades sobre o maior avião do mundo em operação Clicando Aqui.

Antonov An-225: 10 curiosidades sobre o maior avião do mundo