TAM LATAM Brasil Aeronaves

Essa história começa em agosto de 2010, quando a brasileira TAM e a chilena LAN decidiram fazer um grupo onde juntas iriam se tornar a maior companhia aérea da América do Sul.

Antes da sua fusão, a brasileira fazia parte da maior aliança mundial de companhias aéreas, onde permaneceu de 2008 a 2013. Com a fusão, a Star Alliance foi trocada pela One World, aliança que a chilena LAN já fazia parte desde o ano 2000.

A fusão foi concluída quando a última etapa se tornou real, a criação e adoção da marca LATAM Airlines nas duas companhias a partir de 2016. No fim da fusão, o grupo passou a ter uma frota composta por 332 aviões sob marcas no Brasil, Argetina, Chile, Peru, Colômbia, Equador e Paraguai.

As primeiras aeronaves que deixaram a marca TAM e passaram a vestir o “uniforme” LATAM ainda em 2016, foram um Airbus A319 de prefixo PT-TME, que teve seu primeiro voo saindo de Guarulhos para Brasília, e na mesma semana do sua estreia ele voou pela região norte levando a tocha olímpica pelas cidades daquela região.

Primeiro voo doméstico da LATAM Brasil com as novas cores.

O outro, um Boeing 767-300ER de prefixo PT-MSY foi especialmente preparado para trazer a tocha olímpica para o Brasil a companhia se tornou a transportadora oficial do jogos olímpicos de 2016 que tinha o Rio de Janeiro como sede. Este foi o primeiro avião a receber a marca e pintura nova da LATAM.

A partir deste ponto a companhia brasileira começou a refazer o padrão de interior retirando estofados e revestimentos que remetia a antiga marca e assim foi começando a implementar os novos padrões do grupo.

Gradativamente de uma forma lenta, a LATAM Brasil iria pintando suas aeronaves de acordo com os checks programados, no retorno da malha o avião já ganhava as novas cores e foi se estendendo na frota das subsidiarias irmãs.

Em 2020, com o início da pandemia e crise no setor aéreo, a LATAM parou praticamente 80% da frota, nesse período ela aproveitou para fazer checks em diversas aeronaves da frota e assim ela padronizou interior e aplicou a nova pintura.

Os Airbus A350 começaram a receber as novas cores, exceto o PR-XTA que foi a primeira aeronave do modelo na América do Sul que foi devolvida ao lessor nesse período de crise, outras aeronaves também chegaram a receber as cores da LATAM e foram estocadas pelo lessor.

Os aviões Boeing 777-300ER gradativamente foram enviados para fora do país para receber um novo interior completo, com novas cabines executivas, nova classe econômica, tudo para trazer um novo conceito do grupo chileno-brasileiro.

A Equipe do Portal Aeroflap fez um levantamento da real situação da frota da companhia e concluímos que atualmente a companhia opera 149 aeronaves na unidade brasileira, dessas, 36 ainda permanecem com a pintura da TAM e a grande maioria são os Boeing 767-300ER. Cerca de 70% aproximadamente da frota está com as novas cores, totalizando 113 aeronaves.

Acompanhe a lista da atual frota separados por modelos e matrículas:

QSC – São Carlos, Hangar de Manutenção da LATAM 

Airbus A319

Airbus A319 TAM LATAMAirbus A319 LATAM Brasil

PT-TMA – LATAM (Nº4000)
PT-TMB – LATAM 
PT-TMC – LATAM 
PT-TMD – LATAM
PT-TME – LATAM 
PT-TMF – Devolvido ao Lessor
PT-TMG – LATAM
PT-TMH – Devolvido ao Lessor
PT-TMI – LATAM
PT-TML – LATAM
PT-TMO – LATAM
PR-MYB –  Pintura TAM *(Estocado no México)
PR-MYC – Pintura TAM 
PR-MAL – Pintura TAM *(Estocado em CGH)
PR-MAM – Pintura TAM *(Estocado em QSC)
PR-MAN – Pintura TAM  *(Estocado em QSC)
PR-MAO – LATAM *(Estocado em QSC)
PR-MAQ –  Pintura TAM *(Estocado em QSC)
PR-MBN – LATAM
PR-MBU – Pintura TAM
PR-MBV – LATAM
PR-MBW – LATAM

PR-MYL – LATAM

PR-MYM – LATAM

 

Airbus A320

Airbus A320 TAM LATAM

Airbus A320neo LATAM

PR-MYA – LATAM
PR-MYH – LATAM
PR-MYI – LATAM
PR-MYJ – LATAM
PR-MYK – LATAM
PR-MYP – LATAM
PR-MYO – Devolvido ao Lessor
PR-MYQ – LATAM
PR-MYR – LATAM
PR-MYT – LATAM
PR-MYV – LATAM
PR-MYW – LATAM
PR-MYX – LATAM
PR-MYY – LATAM
PR-MYZ – LATAM *(Estocado em QSC)
PR-MHA – LATAM
PR-MHE – LATAM
PR-MHF – LATAM
PR-MHG – LATAM
PR-MHI – LATAM *(Estocado em QSC)
PR-MHJ – LATAM
PR-MHK – LATAM *(Estocado em QSC)
PR-MHM – LATAM
PR-MHP – LATAM
PR-MHQ – LATAM
PR-MHR – LATAM
PR-MHU – LATAM
PR-MHW – LATAM
PR-MHX – LATAM
PR-MHZ – LATAM
PR-MAG – LATAM
PR-MAK – LATAM
PR-MBA – LATAM
PR-MBF – LATAM
PR-MBG – LATAM
PR-MBH – LATAM
PR-TYA – LATAM
PR-TYD – LATAM
PR-TYF – LATAM
PR-TYG – LATAM
PR-TYH – LATAM
PR-TYI – LATAM
PR-TYJ – LATAM
PR-TYK – LATAM
PR-TYL – LATAM
PR-TYM – LATAM
PR-TYN – LATAM
PR-TYO – LATAM
PR-TYP – LATAM
PR-TYQ – LATAM
PR-TYR – LATAM
PR-TYS – LATAM
PR-TYT – LATAM
PR-TYU – LATAM
PR-TYV – LATAM
PR-XBA – LATAM *(Estocado em CGH desde abril de 2020) – A320neo
PR-XBB – LATAM *(Estocado em CGH desde abril de 2020) – A320neo
PR-XBC – LATAM *(Estocado em CGH desde abril de 2020) – A320neo
PR-XBD – LATAM *(Estocado em CGH desde abril de 2020) – A320neo
PR-XBE – LATAM *(Estocado em desde abril de 2020) – A320neo
PR-XBF – LATAM *(Estocado em QSC desde março de 2020) – A320neo
PT-MZH – Pintura TAM *(Estocado em QSC desde Outubro 2020)
PT-MZI –  Pintura TAM
PT-MZJ – *Sofreu incidente no pushback em CGH em 2018, desde então não voou mais
PT-MZL – Pintura TAM
PT-MZT – Pintura TAM
PT-MZU – Pintura TAM
PT-MZW – Pintura TAM
PT-MZY – Pintura TAM
PT-MZZ – Pintura TAM

Airbus A321

Airbus A321 TAM LATAM

PT-XPA – LATAM
PT-XPB – LATAM
PT-XPC – LATAM
PT-XPD – Pintura TAM
PT-XPE – Pintura TAM *(Aeronave saiu da estocagem em BSB e voou hoje(19/03) para QSC)
PT-XPF – LATAM
PT-XPG – Pintura TAM
PT-XPH – LATAM
PT-XPI – Pintura TAM
PT-XPJ – Devolvido ao Lessor – Victorville(VCV)
PT-XPL – Devolvido ao Lessor – Victorville(VCV)
PT-XPM – Devolvido ao Lessor – Victorville(VCV)
PT-XPN – Devolvido ao Lessor – Victorville(VCV)
PT-XPO – LATAM
PT-MXA – LATAM
PT-MXB – LATAM
PT-MXC – LATAM
PT-MXD – LATAM
PT-MXE – LATAM
PT-MXF – LATAM
PT-MXG – LATAM
PT-MXH – Pintura TAM
PT-MXI – Pintura TAM
PT-MXJ – LATAM
PT-MXL – Pintura TAM
PT-MXM – LATAM
PT-MXN – LATAM
PT-MXO – LATAM
PT-MXP – LATAM
PT-MXQ – LATAM

 

Boeing 767-300ER

Boeing 767-300ER TAM LATAM

Foto – LATAM/Rodrigo Cozzato

PT-MSO – Pintura TAM
PT-MSS – Pintura TAM *(Estocado em QSC)
PT-MSV – Pintura TAM
PT-MSW – Pintura TAM
PT-MSX – Pintura TAM
PT-MSY – LATAM
PT-MSZ – Pintura TAM
PT-MOA – Pintura TAM *(Estocado em SCL)
PT-MOB – Pintura TAM *(Estocado em SCL)
PT-MOC – Pintura TAM/One World *(Estocado em QSC)
PT-MOD – LATAM
PT-MOE – Pintura TAM *(Estocado em QSC)

 

Boeing 777-300ER

Boeing 777 TAM LATAM

PT-MUA – LATAM *Star Wars livery
PT-MUB – LATAM
PT-MUC – LATAM
PT-MUD – LATAM
PT-MUE – LATAM
PT-MUF – LATAM
PT-MUG – LATAM
PT-MUH – LATAM
PT-MUI – LATAM
PT-MUJ – LATAM

 

Airbus A350-900XWB

PR-XTA – Pintura TAM *Devolvido ao Lessor – Victorville(VCV)
PR-XTB – LATAM *Devolvido ao Lessor – Victorville(VCV)
PR-XTC – LATAM *(Estocado em CNF)
PR-XTD – LATAM *(Estocado em GRU)
PR-XTE – LATAM *(Estocado em GRU)
PR-XTF – LATAM *(Estocado em QSC)
PR-XTG – LATAM *(Estocado em GRU)
PR-XTH – LATAM *(Estocado em GRU)
PR-XTI – LATAM *(Estocado em GRU)
PR-XTJ – LATAM *(Estocado em GRU)
PR-XTK – LATAM*(Estocado em CNF)
PR-XTL – LATAM*(Estocado em CNF)
PR-XTM – LATAM

Pouco a pouco a marca TAM, deixa de estar presente nos Aeroportos do Brasil e do mundo.

Ainda restam 36 aviões com a icônica pintura vermelha que em breve deixará muitas saudades nos amantes e entusiastas da aviação. A empresa com o DNA do Comandante Rolim ficará sempre em nossas lembranças e agora se une a umas das maiores da América Latina, a LATAM Airlines.

 

*Matéria poderá ser atualizada com novas informações