A BOC Aviation apresentou pedidos de cancelamento de registro na Índia para mais três aviões Boeing 737-800, que estavam sendo operados pela Jet Airways.

A empresa quer cancelar a matrícula dos aviões MSN 39057, 39062 e 39064, que estão com as seguintes matrículas: VT-JFG; VT-JFN; VT-JFR.

Além desses aviões, a BOC Aviation já solicitou o cancelamento de matrículas de outras duas aeronaves de sua propriedade, e do mesmo modelo.

Essa atitude da BOC Aviation pode estar ligada ao arrendamento temporário de aeronaves para a GOL Linhas Aéreas, que deve incorporar na sua frota cerca de 10 aeronaves 737-800, sendo quatro aviões já nos próximos dias.

A movimentação da GOL acompanha as atitudes da LATAM e Azul, que estão arrendando aviões da família A320, que operavam na Avianca Brasil. Nesta sexta-feira divulgamos com exclusividade um comunicado da LATAM Brasil, afirmando que arrendou 10 aviões A320-200ceo que estavam na frota da Avianca Brasil, e foram devolvidos para os lessores.

Esses aviões extras permitem que a GOL expanda suas operações, retome os voos para os Estados Unidos a partir de Fortaleza e também suportar os novos voos, que podem surgir se a companhia arrematar slots no leilão dos ativos da Avianca Brasil.

A Jet Airways anunciou na metade do último mês de abril a paralisação total das suas operações, a companhia estava a cada semana diminuindo a sua frota, pela devolução forçada das suas aeronaves, devido à dívidas no pagamento das parcelas de leasing.