Boeing registra mais encomendas canceladas para o 737 MAX

Boeing

A Boeing lançou nesta terça-feira (10/11) os seus dados de entregas de aeronaves no mês de outubro de 2020. De acordo com a Boeing, mais 12 encomendas para o 737 MAX foram canceladas ao longo do mês de outubro.

No mesmo mês a Boeing entregou um total de 13 aviões, enquanto a sua principal concorrente, a Airbus, entregou 72 aeronaves no mesmo período.

Além disso, a Boeing removeu mais 25 aeronaves do modelo 737 de sua carteira em outubro para cumprir padrões de contabilidade. O total de cancelamentos do 737 MAX em 2020 já chega a 1043 aeronaves.

No total, a Boeing deve entregar nos próximos anos cerca de 4275 aeronaves.

A empresa disse que os cancelamentos irão aliviar a pressão de entrega reprimida e dar-lhe mais “flexibilidade” para gerenciar sua carteira de pedidos e programação de remessa.

A Federal Aviation Administration (FAA) está provavelmente nos últimos dias de revisão do novo processo de certificação do 737 MAX, com chances da aeronave voltar a cumprir voos comerciais ainda em 2020.

 

DEIXE UMA RESPOSTA