Foto onde mostra o Tornado Saudita prestes a ser atingido- (Imagem via Twitter)

No último dia 14 de fevereiro um grupo rebelde anunciou o abate de um caça da real força aérea saudita. Até algumas horas após a informação da queda de uma caça nada havia sido confirmado, com tudo mais tarde um porta-voz da real força aérea saudita confirmou que um caça Panavia Tornado caiu na província de Al Jou, e que o caça estava fazendo uma missão CAS em apoio às operações do Exército Nacional Iemenita.

Com tudo existem dois lados e com isso duas respostas, os sauditas dizem que a aeronave caiu sem dar muita explicação do motivo. Já o grupo rebelde, diz que o caça foi abatido, no decorrer do tempo imagens começaram a circular pela internet onde mostra algo atingindo a aeronave, parecendo ser que realmente foi abatida. 

Até o momento não se sabe uma informação precisa sobre os pilotos do sauditas, algumas fontes dizem que um deles morreu e o outro foi capturado pelos rebeldes.

Segundo o site do Al Jazeera, relatórios a pontam que o Tornado foi abatido por um míssil terra-ar. Não é de conhecimento exato que tipo de míssil foi usado no abate, mas segundo o site The Aviationist, os rebeldes operam em seu arsenal armamentos modificados, como o AAMs R-27T.

Não é a primeira vez que um caça saudita é abatido, em 2018 um F-15 da real força aérea saudita foi abatido por um míssil terra-ar, onde se acredita que tenha sido empregado um R-27 modificado.


 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA