Caças SU-27 da aviação naval russa participam de exercício com foco em interceptações de aeronaves

B-52
SU-27 russo na ala e interceptando um B-52H da USAF

Caças SU-27 da aviação naval russa da Frota do Báltico estão participando de um exercício aéreo na região de Kaliningrado, mais a oeste da Rússia. Durante os exercícios que vão durar até o final da semana os caças irão interceptar aeronaves invasoras.

“Um exercício de voo tático planejado envolvendo mais de 10 caças Su-27 de um regimento de aviação naval da Frota do Báltico começou na região de Kaliningrado”, disse a assessoria de imprensa em um comunicado.

Ao todo são mais de 10 caças SU-27 Flanker no exercício, além de pessoal de terra que presta apoio logístico aos caças.

“O objetivo básico do exercício é verificar a prontidão do pessoal de voo para realizar o combate e tarefas especialmente designadas e praticar novas técnicas e métodos de operações empregando plenamente as capacidades de combate da aeronave”, enfatizou a assessoria de imprensa. 

A Rússia intercepta com certa frequência aeronaves militares do ocidente, incluindo aeronaves de vigilância e bombardeiros dos EUA.

 

Fonte de apoio: TASS

Edição: Aeroflap