Clique Aqui e receba as principais Notícias da Aviação em tempo real diretamente no seu Whatsapp ou Telegram.

Xian Y-20. Foto: China Military Online

O cargueiro estratégico chinês Xi’an Y-20A deverá ter opções para dois motores de produção chinesa que já estão passando por testes de voo, disse o projetista-chefe da aeronave durante o Airshow China 2021. Realizado em Zhuhai, o evento deve se encerrar neste domingo. 

Em uma entrevista coletiva, Tang Changhong, projetista-chefe do jato de transporte pesado, afirmou que “O Y-20 agora tem ‘corações’ chineses”. Em seguida Changhong ainda afirmou que não um, mas dois motores desenvolvidos domesticamente serão usados pelo Y-20. Ambos já estariam passando por voos de teste que estão ocorrendo sem problemas, disse ele.

Depois de ser equipado com esses motores, as capacidades do Y-20 receberão um impulso, acrescentou Tang. Os motores chineses poderiam fornecer mais empuxo, usar menos combustível e permitir que o avião decolasse e pousasse em pistas mais curtas, afirmou Song Xinzhi, um especialista militar chinês, em um relatório da China Central Television em 2020.

Y-20 chinês usa quatro motores russos D-30KP-2.

Atualmente o Y-20A faz uso de quatro motores Soloviev D-30KP-2 de origem soviética, usados no cargueiro Ilyushin Il-76, que também faz parte da frota da Força Aérea Chinesa. Com os novos motores turbofan de alta razão de bypass, o Y-20 também terá um aumento no alcance, autonomia e capacidade de carga, afirmaram os observadores.

A aeronave remotorizada deverá se chamar Y-20B. Recentemente um Y-20U, versão para reabastecimento em voo, foi flagrada com as mangueiras estendidas e voando em formação com um caça da Família Flanker. 

DEIXE UMA RESPOSTA