American Airlines EUA Vacinação
Foto: Gabriel Melo/Aeroflap

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta quinta-feira (2), durante coletiva de imprensa no Instituto Nacional de Saúde (NIH), que viajantes internacionais com destino aos Estados Unidos precisarão apresentar resultado negativo para Covid-19, em testagem realizada no máximo 24 horas antes do horário de embarque, independentemente de a pessoa ter tomado as duas doses e do país de origem.

A regra anterior falava em 72 horas para quem tinha duas doses e 24h para quem tinha tomado apenas a primeira.

A decisão foi anunciada junto com um pacote de medidas, que visa a intensificar o controle sanitário no país em face da expansão da variante Ômicron do coronavírus. De acordo com as autoridades, existem por enquanto dois casos de pessoas contaminadas com a Ômicron nos EUA.

“Essa janela mais apertada para a testagem provê um grau maior de proteção, enquanto os cientistas continuam a estudar a nova variante”, disse Biden.

Além disso, o governo americano também irá estender o uso obrigatório de máscaras em viagens domésticas e internacionais, em aviões, trens e todo tipo de transporte público durante os meses de inverno do hemisfério norte (entre dezembro e março).

Para comentar essa decisão do governo dos EUA, a AG Immigration coloca à disposição da imprensa o advogado especializado em imigração e fundador do escritório, FELIPE ALEXANDRE.

 

Via: AG Immigration

DEIXE UMA RESPOSTA