Helibras Helicóptero H145
Foto: Helibras

A Helibras acaba de entregar duas aeronaves modelo H145 para a empresa Air Jet Taxi Aéreo. Os helicópteros são os primeiros equipados com cinco pás a serem utilizados para transporte de passageiros e também para transporte aeromédico no Brasil.

Além da reconhecida eficiência operacional e segurança, que fazem do helicóptero um sucesso comercial em todo o mundo, a versão penta-pá oferece 150kg adicionais de carga útil. O novo projeto de rotor principal, sem rolamentos, além de facilitar a manutenção, garante maior conforto em voo, característica essencial para este mercado.

A Air Jet Táxi Aéreo, pertencente ao Grupo Prevent Senior, é uma empresa de transporte aéreo executivo, que tem entre seus principais valores a agilidade, segurança e versatilidade. A empresa conta com equipamentos de última geração e uma equipe médica especializada em transporte aeromédico.

As equipes são treinadas em todos os procedimentos essenciais da aeronave para atuar em qualquer eventualidade. A frota da Air Jet possui outros helicópteros da Airbus I Helibras, adaptáveis para o transporte inter-hospitalar de curta, média e longa duração, sendo dois Airbus H125 e um Airbus H135.

Para Lionel De-Maupeou, Head de Vendas, Marketing e Desenvolvimento de Negócios da Helibras, as aeronaves entregues estão equipadas com os recursos mais modernos, que vão agregar mais capacidade e tecnologia ao transporte aeromédico no país.

“Essa é uma atividade que salva vidas e precisa ser cada vez mais desenvolvida no Brasil, dado o tamanho do seu território e população. Agradecemos a confiança da Air Jet em nossos produtos, que representam hoje mais da metade da frota de helicópteros aeromédicos em operação no mundo”.

“As aeronaves são investimentos fundamentais principalmente no transporte aeromédico, no qual a segurança e a qualidade são fundamentais para uma boa prestação de serviços”, diz Fernando Parrillo, CEO da Air Jet e do Grupo Prevent Senior.

“São equipamentos que vão contribuir diretamente com o bem-estar dos nossos pacientes.” Completou.

 

Via: Helibras

DEIXE UMA RESPOSTA