F-35A da JASDF-Foto: U.S. Air Force by Staff Sgt (Foto Meramente Ilustrativa)

O governo do Japão decidiu cessar a instalação da montagem final do próximo lote do caça F-35A Lighting II da Lockhhed Martin. O caça de 5º geração equipará a Força de Alto Defesa do Japão (JASDF).

De acordo com o site Defense News, um porta-voz da Agência de Aquisição, Tecnologia e Logística dos Estados Unidos, ou ATLA, informou que o Japão irá adquirir aeronaves importadas do exterior para o próximo contrato fiscal de 2019.

Até então a montagem final do caça estava sendo feita no país asiático, a fábrica da FACO, que é operada pela Mitsubishi Heavy Industries, continuará a realizar trabalhos de produção até o Ano Fiscal de 2022 para assim cumprir os F-35A contratados pelo Japão entre o 2015 e 2018.

O Japão pretende ter 42 unidades do F-35A. Além disso o governo japonês pretende adquirir mais 105 caças F-35, que incluirão 42 da variante F-35B de pouso e decolagem vertical.

F-35A da JASDF-Foto: U.S. Air Force by Staff Sgt

Cada aeronave F-35A do Japão custa em média US$ 144,2 milhões, embora o custo por aeronave tenha diminuído, com o lote de 2018 custando US $ 119,7 milhões cada.

Por outro lado o orçamento ainda prevê US$ 366,12 milhões para equipamentos de manutenção vinculados ao programa F-35 no qual o Japão é um país membro.