É com esse maravilhoso clique de trailer que iniciamos esta matéria. Hoje (13/07) a Microsoft anunciou oficialmente que está iniciando a pré-venda do novo Flight Simulator 2020, que deverá ser lançado em agosto.

A fabricante de software e até dispositivos de informática anunciou que o lançamento oficial acontecerá no dia 18 de agosto. O desenvolvimento do simulador já foi finalizado, e a versão final está quase pronta.

A venda, no entanto, será realizada pelo diretamente e pelo estilo de assinatura, através da Xbox Game Pass.

Para os entusiastas da aviação, e que gostam de um bom simulador de voo, a grande novidade desta versão do simulador de voo é o nível de detalhamento dos gráficos. Arrisco até a dizer que ele não deve rodar em placas de vídeo simples (clique aqui para descobrir).

De acordo com a Microsoft, o novo simulador foi desenvolvido baseado em tecnologias gráficas de última geração, com a ajuda do poder da nuvem e da tecnologia Azure para entregar um visual ainda mais próximo da realidade.

Nos vídeos é possível até mesmo ouvir a complexidade de sons, em estéreo, no solo de um aeroporto, enquanto o avião está sendo preparado para voar.

De acordo com a Microsoft, os cenários foram retirados direto de dados de satélite, tanto visuais como de topografia do local. Com base nessa tecnologia temos o resultado dos vídeos acima, gravados com uma versão demo do jogo.


A capacidade de receber add-ons também estará presente. Isso significa que o novo simulador pode suportar aeroportos produzidos por terceiros, como as aeronaves das famosas desenvolvedoras PMDG e Aerosoft.

 

Versões e preços

A Microsoft vai disponibilizar o jogo no site xbox.com em três versões:

  • A versão Standard Edition inclui 20 aviões e 30 aeroportos por R$ 199,95.
  • A versão Deluxe Edition custa R$ 279,95 e vem com 25 aviões e 35 aeroportos.
  • Já a versão Premium Deluxe custa R$ 339,95 e vem com 30 aviões e 40 aeroportos.

 

Compatibilidade e requisitos mínimos

O Microsoft Flight Simulator 2020 estará disponível somente para Windows 10. Segundo os desenvolvedores, os requisitos mínimos para rodar o simulador são o processador Intel Core i5-4460 ou AMD Ryzen 3 1200, placa de vídeo Nvidia GTX 770 ou Radeon RX 570 de 2 GB, memória RAM de 8 GB, armazenamento de 150 GB e DirectX 11.

O requisitos mínimos podem não garantir toda a experiência do jogo, incluindo de gráficos, apesar do processamento na nuvem.

 

DEIXE UMA RESPOSTA