Avianca
Photo by: Rodrigo Rott | Aeroflap

Alguns relatórios da Argentina indicam que a Avianca está com reais intenções de voltar a operar regularmente, a companhia não voa desde meados de 2019. A filial argentina deixou de voar quase ao mesmo tempo que a filial brasileira do grupo.

Apesar de utilizar na fuselagem o nome Avianca, a companhia é registrada oficialmente como Avian Líneas Aéreas. Segundo a imprensa local, a Avianca/Avian negociou duas maiores dividas com seus credores, chegando a um acordo entre as partes. Como a empresa está em processo de falência, precisa apresentar seus planos a o Juiz encarregado do processo.

Entre os planos da empresa está o pagamento de dividas em até cinco anos, o que facilitaria buscar um aporte financeiro. Inicialmente mais da metade das dividas já estariam quitadas ou pelo menos com acordo finalizado. 

Sem mais da metade das dividas, a companhia poderia planejar seu retorno as operações porém de forma diferente. O foco passaria a ser uma operação mais ‘enxuta’ ligando destinos regionais a um ponto de conexões com cidades maiores. As projeções são grandes porém ainda dependem da aprovação do Juiz, responsável pelo processo de falência da empresa.  

Antes de deixar de operar, a Avianca Argentina operou três aeronaves, sendo um ATR 72-600 e dois Airbus A320. Todas as aeronaves estão estocadas desde que a empresa deixou de voar em 2019.

DEIXE UMA RESPOSTA