Aeronaves EP-3E Aries da Marinha dos EUA visto do Su-30 que o interceptou. Imagem: Ministério da Defesa Russo/Captura de tela.

Uma aeronave de inteligência EP-3E ARIES (Airborne Reconnaissance Integrated Electronic System) da Marinha dos Estados Unidos foi interceptado na manhã de hoje (13) por um caça Sukhoi Su-30 da Rússia quando sobrevoava o Mar Negro.

Segundo comunicado do Ministério da Defeso Russo, uma aeronave desconhecida foi detectada pelo controle de espaço aéreo do Distrito Militar Sul, aproximando-se da fronteira russa sobre o Mar Negro. Um caça Su-30 foi enviado para evitar uma invasão de fronteira e reconhecer o alvo aéreo, identificado como um EP-3E ARIES. 

O Ministério que o Su-30 escoltou a aeronave e retornou à base assim que o avião americano se afastou da fronteira estadual da Federação Russa. A interceptação “foi realizada em estrita conformidade com as regras internacionais de uso do espaço aéreo”, e a fronteira russa não foi violada. 

O EP-3 é uma versão de inteligência de sinais (SIGINT) do P-3 Orion de patrulha marítima, usado pela US Navy.  A aeronave carrega uma multiplicidade de sistemas, antenas e demais equipamentos para captação, interpretação e decodificação de sinais eletrônicos e de comunicação. Segundo um artigo do especialista Sérgio Santana para o site Poder Aéreo, o EP-3E “é tripulado por até 24 ocupantes, dos quais 19 são especialistas e possui alcance superior a 5.000km e autonomia de 12 horas.”

Em 2019, um EP-3E ARIES foi “agressivamente” interceptado por um caça Su-30MKV da Força Aérea Venezuelana ao se aproximar do país. 

A interceptação do EP-3E de inteligência ocorre uma semana depois que um P-8A Poseidon foi interceptado por um par de caças Su-30SM também no Mar Negro. A região concentra tensões entre a Rússia e a OTAN, aliança militar liderada pelos EUA, depois que militares russos realizaram disparos de aviso contra um destroyer britânico que navegava pela região. Depois do incidente, a Rússia treinou ataques aéreos contra embarcações em resposta ao exercício aeronaval Sea Breeze da OTAN. 

DEIXE UMA RESPOSTA