Jatos M34FA do Turcomenistão decolam com o Presidente. Foto: Governo do Turcomenistão.

Em um vídeo divulgado pela mídia estatal, o Presidente do Turcomenistão, Gurbanguly Berdimuhamedow, pode ser visto conhecendo três novos modelos de aeronaves militares adquiridas pelo país: o Embraer A-29B Super Tucano, o Leonardo M346FA, C-27J Spartan, também fabricado pela companhia italiana. 

No vídeo, o Presidente aparece andando de bicicleta na base aérea localizada no oeste do país. Os militares então apresentam detalhes do jato de ataque leve M346FA, do turboélice de ataque A-29B e do bimotor de transporte C-27J. Logo depois de conhecer os novos aviões, Berdimuhamedow é visto vestindo macacão, traje anti-g, colete e capacete para voar no jato. 

As duas aeronaves, ostentando os números 01 e 02, podem ser vistas com dois tanques externos e o que aparentam ser quatro mísseis ar-ar de treinamento. Os instrumentos também lembram os chamados “Smokewinders”, pods geradores de fumaça para demonstração aérea, com formato parecido com o de mísseis de curto alcance. Até o momento não há nenhuma confirmação do que são, exatamente. 

Segundo Janeso Turcomenistão adquiriu seis M346, sendo quatro da versão FA, de ataque leve, e dois da variante FT para treinamento avançado. Os jatos foram comprados em 2019 e o negócio é avaliado em US$ 347.7 milhões. Além dos jatos, oito helicópteros AW139 teriam sido encomendados, afirma o portal Defence Blog

https://twitter.com/CiroNappi6/status/1417771462589620227

Já o Super Tucano faz parte de pelo menos dois recentemente entregues ao país. Em maio, dois A-29 ainda com matrículas civis (PT-ZHI e ZHJ) foram registrados em Malta enquanto eram levados para o país. Relatos afirmam que seis A-29 teriam sido comprados pelo Turcomenistão, o que não confirmado nem pelo país ou pela própria Embraer. 

Foto: Shaun Psaila/Military Aviation Reachout.

DEIXE UMA RESPOSTA