Vinci Airports Aeroporto de Salvador Bahia
Foto: Divulgação

Dias após obter a Acreditação em Carbono nível III, o Salvador Bahia Airport, aeroporto mais sustentável do Brasil, anuncia a instalação de uma composteira que acelera a digestão de restos de alimentos e os transforma em água. Os especialistas em meio ambiente do aeroporto estimam processar cerca de 22 toneladas de alimentos por mês.  

Embora o produto final seja um efluente seguro e possa ser descartado na rede de esgoto sem causar danos ao ecossistema, o Salvador Bahia Airport o dispensa na Estação de Tratamento de Efluentes (ETE) do próprio sítio aeroportuário e o transforma em água de reuso, aproveitada nas descargas dos banheiros e nas torres de resfriamento. A expectativa é que cerca de 68 mil litros de água sejam coletados por ano. 

O processo traz ainda outros benefícios para o meio ambiente. O equipamento processa os restos alimentícios sem gerar o chorume, líquido poluente derivado da decomposição do lixo orgânico e que pode contaminar solo e águas subterrâneas.

Ele também previne a eliminação de metano e o CO2, dois gases que contribuem para o efeito estufa. A VINCI Airports está trabalhando para a diminuição da sua pegada de carbono reduzindo pela metade suas emissões diretas até 2030.  

O aeroporto já alcançou a marca de 44% de redução do consumo de água potável desde o início da concessão, em 2018. A meta da VINCI Airports é que até 2030 todos os seus aeroportos atinjam a percentagem de 50%.

Outras ações adotadas para atingir essa meta são: o tratamento e reuso de 100% dos resíduos líquidos gerados no sítio aeroportuário, o que fez o Salvador Bahia Airport a ser o primeiro aeroporto zero efluente do Brasil, e a recuperação da água de condensação gerada pelo sistema de refrigeração do terminal.  

O CEO do Salvador Bahia Airport, Julio Ribas, disse: “A VINCI Airports não enxerga a conectividade sem mobilidade positiva. Portanto, nós estamos agindo por nosso planeta ao economizar 68 mil litros de água por ano.”

“Os passageiros da VINCI Airports no Aeroporto de Salvador irão satisfazer sua necessidade de viajar, de se conectar e descobrir novos lugares sabendo que eles estão fazendo isso de uma forma ambientalmente sustentável. Nós oferecemos um sistema circular não poluente e isso inclui nossos parceiros, que estamos encorajando e orientando para que também reduzam seus níveis de carbono”.

 

 

Com informações da VINCI Airports.