Na tarde desta terça-feira um avião Gulfstream III, de matrícula YV-2896 e registrado na Venezuela, que prestava serviço de transporte aéreo executivo de passageiros, se acidentou com nove pessoas a bordo nas proximidades de Margarida, pouco tempo depois de decolar do Aeroporto Santiago Mariño.

O jato executivo estava sendo operado para o transporte de funcionários do Governo Venezuelano, sem indicar totalmente quais pessoas estavam a bordo. A única informação repassada pelo governo é que sete, de nove pessoas da aeronave, são pilotos. A aeronave seguia para o Aeroporto Internacional Simón Bolívar.

O ministro do Interior, Nestor Reverol, disse que o avião partiu da Ilha de Margarita e relatou uma falha mecânica no sistema hidráulico por volta de 13h45 (horário local). A aeronave fez várias tentativas de recuperar a normalidade dos seus sistemas, tentando queimar combustível para atingir o peso máximo de pouso permitido, porém não conseguiu se recuperar e caiu a 75 km da costa.

Um serviço de busca e resgate foi acionado após o acidente, encontrando destroços da aeronave no início desta noite (considerando o horário de Brasília), o local foi identificado, porém não há informações sobre o estado de saúde dos ocupantes.

 

 

Via – FOX

This post is available in: pt-brPortuguês