C-32A da USAF- Foto: Autor desconhecido

Segundo informações que estão circulando na internet um C-32A (Boeing 757 do governo americano) com Donald Trump a bordo quase sofreu uma colisão com um drone enquanto pousava na Base Conjunta de Andrews, perto da capital Washington, no dia 16 de agosto.

O presidente Trump estava retornando de do Trump National Golf Club em Bedminster, Nova Jersey.

A Base Aérea Conjunta de Andrews juntamente com a Casa Branca emitiram um comunicado dizendo que, o “assunto está em análise” e a “aeronave pousou em segurança”.

Contudo, caso se confirme que foi um drone ou algo do tipo, esse não foi o primeiro incidente envolvendo aviões e drones, tanto que a FAA está pressionando novos regulamentos para operações mais seguras.

 

Air Force One:

Foi informado que Trump estava em um C-32A e não no clássico VC-25A conhecido em todo o mundo como o Air Force One.

No entanto, vale reforçar que a sigla Air Force One, é usada quando o presidente dos EUA está abordo de alguma aeronave.

Air Force One VC-25A- Foto: USAF

O C-32A é usado para voos mais curtos ou para aeroportos que não operam o grande VC-25A.


Entretanto, é mais comum Trump usar o VC-25A, que sempre é acompanhado de seu irmão gêmeo VC-25B

Todavia, os VC-25A/B estão se aposentando de seus serviços a presidência norte-americana. No lugar deles virão dois novos Air Force One.

 

DEIXE UMA RESPOSTA