Airbus A321XLR
Foto: Tobias Gudat/Via Twitter

A Airbus retirou nesta semana do hangar de montagem final dos seus aviões A321neo em Hamburgo, na Alemanha, a primeira unidade do A321XLR, versão de Ultra Longo Alcance.

Ainda sem pintura e os motores, o A321XLR foi fotografado pelo spotter Tobias Gudat. A aeronave será direcionada para a instalação de acabamentos externos, além da pintura e posterior instalação dos motores.

Curiosamente, este também é o 11000º avião da família A320 produzido pela Airbus.

O A321XLR se aproxima da fase de testes de voo e Certificação de Tipo, que será realizada a partir de 2022, e assim, seguindo para a produção em série e entrada em serviço em 2023.

A conclusão estrutural do MSN11000 na Linha de Montagem Final (FAL) está sendo realizada em Hamburgo. Curiosamente, as partes estruturais do novo A321XLR são produzidos em locais distintos:  a fuselagem central e traseira são feitas em Hamburgo (Alemanha); as asas em Broughton (Reino Unido); os trens de pouso fornecidos pela Safran (França) e os estabilizadores verticais e horizontais são produzidos em Stade (Alemanha) e Getafe (Espanha), respectivamente.

Assim como em Saint-Nazaire, a Airbus também aproveita em Toulouse as antigas instalações do A380 para a produção do A321XLR. Porém, em Toulouse a Airbus realizará a montagem final dessas aeronaves quando a produção em série for iniciada, em 2023.

Veja como a montagem do A321neo é realizada Clicando Aqui.

Airbus A321XLR

Com as mudanças de design e do novo tanque, o Airbus A321XLR promete ter um alcance de 8.700km, sendo 15% maior que o seu irmão A321LR. O novo avião é muito aguardado por diversas empresas que planejam voar mais longe com uma aeronave mais eficiente, e talvez até alcançar mercados novos. Há mais de 500 encomendas ativas para o A321XLR atualmente.

 

Texto por Pedro Viana e Gabriel Benevides – Aeroflap.

DEIXE UMA RESPOSTA