• Instagram
  • Feed
  • Telegram
  • Youtube

Boeing vê com otimismo os novos marcos de certificação das duas últimas variantes do 737 MAX

Boeing 737 MAX 10 Frota Brasil América Latina
Foto: Boeing

Durante teleconferência de resultados do terceiro trimestre da Boeing no dia 25 de outubro, o fabricante demonstrou otimismo para os novos marcos de certificação para o 737-7 e o 737-10 MAX.

Caso as novas metas de certificação junto à FAA ocorram sem problemas, as entregas do 737-7 MAX devem começar ainda no início de 2024, enquanto o 737-10, maior variante da família, deve iniciar as entregas somente em 2025.

Apensar da Boeing não colocar um cronograma oficial, o Boeing 737-10 já alcançou cerca de 70% dos requisitos exigidos pela FAA, para que então a agência emita a autorização de inspeção de tipo (TIA), e assim, o modelo dê início aos voos de certificação.

O 737-10 MAX conta com uma nova certificação da FAA, incluindo um novo sistema de monitoramento de ângulo de ataque (AOA) e um aumento no curso do amortecedor do trem de pouso.

Por outro lado, o 737-7 MAX deve concluir a certificação ainda neste ano, iniciando as entregas em 2024.

 

Leia também: 

 

Quer receber nossas notícias em primeira mão? Clique Aqui e faça parte do nosso Grupo no Whatsapp ou Telegram.

 


Redator

Apaixonado por aviões e fotografia, sempre estou em busca de curiosidades no universo da aviação.


Contato: [email protected]