China Eastern lança subsidiaria que terá apenas aeronaves fabricadas na China

A China Eastern Airlines apresentou sua nova subsidiária, a OTT Airlines, que operará principalmente aeronaves fabricadas na China, incluindo o jato regional ARJ21 da Comac e o narrow-body C919.

A OTT, que é de propriedade exclusiva da China Eastern, ficará sediada no Aeroporto de Shanghai Hongqiao e servirá principalmente a região do Delta do Rio Yangtze e outros pontos ao longo das regiões costeiras.

A China Eastern não especificou quando a nova transportadora iniciará as operações ou se seria uma companhia aérea de baixo custo ou serviço completo. 

A transportadora SkyTeam é o cliente de lançamento do programa C919 da Comac, que ainda está sendo testado. Os dados de frotas da Cirium indicam que a companhia aérea possui cinco pedidos, com outras 15 opções.

Aeronave Comac C919

Também tem pedidos de 35 aviões ARJ21, que encomendou em agosto passado, juntamente com outras transportadoras estatais Air China e China Southern Airlines.

Um artigo do Shanghai Daily cita o presidente da China Eastern, Liu Shaoyong, dizendo que a OTT, abreviação de One Two Three, marca “o primeiro passo da China Eastern para operar e apoiar jatos de passageiros desenvolvidos no país”.

Foto: China Eastern

O ARJ21-700 tem capacidade de levar até 90 passageiros, sua cauda em T e o design da fuselagem lembram bem os americanos McDonnell Douglas MD-80/90.


Já o Comac C919 tem capacidade de 168 passageiros em classe única, em sua versão de alta demanda pode levar até 174 passageiros. Fazendo dele um concorrente dos famosos Airbus A320 e do Boeing 737NG e MAX.

 

Fonte: FlightGlobal

DEIXE UMA RESPOSTA