Caça Dassault Rafale da IAF

A França poderá ser parceira da Índia no projeto de novos motores para futura classe de aeronaves de combate médio avançado (AMCA). O motor desenvolvido poderá gerar até 110 kilo-newton.

O prazo é que estes novos motores estejam prontos em sete anos após o começo dos trabalhos.

Do lado francês a empresa Safran ofereceu uma transferência de tecnologia aos indianos, que por sua vez já tem uma empresa solida no setor aeronáutico, a Hindustan Aeronautics Limited, que é fabricante dos caças HAJ Tejas.

“Estamos assinando um acordo relacionado à tecnologia necessária para a fabricação de motores de alto empuxo. A tecnologia será comum aos motores Rafale que podem ser suportados por nós e também seria útil para o projeto do motor de 110 kn ”, disse o presidente da HAL, R Madhavan, publicou o site Economic Times India.

A parceria bélica entre a França e Índia não são recentes, os países já negociaram caças Mirage 2000 e agora a Índia está recebendo caças Dassault Rafale.

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA