Governo Indiano venderá 100% de participação na Air India

O ministro da Aviação Civil da Índia, Hardeep Singh Puri, disse nesta última quinta-feira que o AISAM aprovou a venda de 100% da participação do governo na Air India para possibilitar um investimento estratégico na companhia nacional.

O AISAM foi criado pela divisão de Aviação Civil do governo para acelerar o processo de desinvestimento estatal na Air India.

“Após a formação do novo governo, o AISAM foi reconstituído e o reinício do desinvestimento estratégico da Air India foi aprovado. O AISAM aprovou a venda de 100% da participação do Governo da Índia na Air India para o reinício do Desinvestimento Estratégico da Air India”, afirmou Puri.

O ministro também disse recentemente que a Air India pode fechar se não for privatizada.

A Air India, que começou como Tata Airlines em 1932 e depois se tornou estatal, não obteve lucro desde sua fusão em 2007 com a operadora nacional estatal Indian Airlines. A companhia internacional está sobrecarregada com US$11 bilhões em dívidas, e não consegue nem mesmo renovar a sua frota, sofrendo uma alta concorrência das novas Low Costs.

A Air India voa para pelo menos 43 cidades em 31 países em todo o mundo, além de 55 cidades na Índia.

 

DEIXE UMA RESPOSTA