Boeing 747
O Boeing 747-8I vendeu menos de 200 unidades Foto: Boeing

Entrou para a linha de montagem aquele que vai ser o penúltimo Boeing 747 a ser produzido pela fabricante norte-americana. Este será o último ano de produção do ‘jumbo’, após mais de cinco décadas em operação.

Há cinco anos, a Boeing entregava o último Boeing 747 de passageiros, que foi da variante -8 e foi entregue para a Korean Air. A previsão de entrega do último ‘jumbo’ deverá ser em outubro e será para a Atlas Air.

A Atlas Air inclusive é a última empresa a receber a ‘Rainha dos Céus’, pois as últimas quatro unidades do 747 serão destinadas a companhia cargueira dos EUA. Uma dessas aeronaves foi entregue recentemente, no mês de maio. O futuro cargueiro da Atlas receberá a matrícula N861GT.

A história da ‘Rainha dos Céus’ chegará ao fim até o final desse ano, mas ainda permanecerá um grande legado. Para conseguir construir a aeronave, a Boeing investiu em sua fábrica de Everett que ao longo dos anos se tornou o maior edifício do mundo em termos de volume e tamanho de portões.

Nesta mesma fábrica, hoje a Boeing constrói todos os seus modelos de grande porte como 747, 767, 777 e 787.  

 

 

Com informações do Aviación Online.