A Israel Aerospace Industries (IAI) anunciou ter recebido recentemente o contato de vários interessados no programa de conversão do B747-400.

A IAI vê essas oportunidades como uma resposta a uma necessidade global de um volume alto de cargueiros nesse mercado, a qual coincide com os preços baixos do combustível e a falta de disponibilidade de aeronaves estacionadas no “deserto”.

A IAI é a única empresa que mantém uma linha ativa de conversões de B747-400, tendo entregado em 2017 dois aviões desse tipo à South Korean Asiana Airlines após haver convertido 29 unidades de B747-400 para a configuração BDSF (cargueiro especial projetado pela Bedek) em 2005 e 2011.

Paralelamente, em 2017 a IAI entregou dezoito aeronaves B767-300 convertidas, o que atende às necessidades dos clientes da empresa no mercado em expansão de comércio eletrônico; além disso, a IAI converteu três B737-700 NG, sendo a única empresa no mundo a realizar uma conversão padrão (STC — Standard Template Construct) de 737-700.

A conversão de um B747-400 leva cerca de 120 dias, em geral utilizados pela maioria dos clientes para ajustar o relógio de manutenção para “0” com extensa vistoria, substituição de peças de aterrissagem e motores, e outras novas instalações de aviônicos tais como painéis planos e dispositivos de comunicação via satélite, entre outros.

Os clientes da Bedek de conversões para cargueiro são as companhias aéreas proprietárias das aeronaves e clientes que fizeram leasing do avião de carga para uma empresa/operadora por mais 15-20 anos de serviço, gerando lucros para ambas as partes e oferecendo a grande capacidade de carga demandada pelo mercado.