F-35B da US Navy-Foto/Divulgação- U.s Navy

O Japão é agora o novo cliente do F-35B, depois do Ministério da Defesa do país confirmar que o processo de aquisição de 42 unidades do F-35B foi aprovado por todos os braços do governo.

Essa versão se destaca por sua capacidade de realizar pousos e decolagens na vertical, característica conhecida também como STOV, sendo adequada para operação em porta aviões, ou locais sem capacidade de receber a aeronave com toda a sua performance.

Os caças serão utilizados no futuro pela Força Aérea de Autodefesa do Japão, e serão fabricados pela Lockheed Martin nos EUA. Apesar disso, a pilotagem desses aviões será realizada por pilotos da Força Marítima de Autodefesa do Japão, visto que a Força Aérea não tem pessoal capacitado para o F-35.

O Japão fez um pedido de compra em 2011, neste pedido havia 42 unidades da versão A do F-35 Lightning II. Já em 2018 o Japão aumentou o pedido de F-35A, para 105 unidades e incluiu 42 caças da versão B com capacidade STOV (pouso e decolagem na vertical).