F-15 PC AB
Caça F-15C Eagle da 48ª Ala de Caças. Foto: USAF.

A Força Aérea dos EUA na Europa e África (USAFE) enviou mais oito caças F-15 Eagle para a Base Aérea de Łask na segunda-feira (14). As aeronaves de combate se juntaram à outras oito do mesmo modelo que estão desdobradas desde o dia 10. 

A chegada dos caças F-15C/D Eagle da 48ª Ala de Caça foi divulgada no Twitter pelo Ministro da Defesa polonês Mariusz Błaszczak. As aeronaves, com sede na base aérea de RAF Lakenheath no Reino Unido, pousaram na 32ª Base Aérea Tática em Łask para participar da missão de Policiamento Aéreo da OTAN nos países bálticos. Os F-15 permanecerão na base polonesa até o final de fevereiro. 

Na semana passada, quatro bombardeiros B-52H chegaram ao Reino Unido no mesmo dia em que a USAFE enviou os oito primeiros F-15 para a Polônia. No dia seguinte, um número não revelado de caças F-16 foram enviados da Alemanha para a Romênia. Tanto os F-16 quanto os F-15 carregavam mísseis reais. Você pode ler mais sobre estes desdobramentos clicando aqui.

Além das aeronaves dos Estados Unidos, caças da Espanha, Itália, Polônia e Dinamarca foram desdobrados para outros países membros da OATN. 

RQ-4 Global Hawk: o drone dos EUA que voa na Ucrânia por mais de 30 horas

Todos os movimentos – incluindo o de ontem – são respostas da OTAN e dos EUA à ameaça russa na fronteira da Ucrânia. Na segunda-feira, tropas, veículos de logística, tanques e artilharias autopropulsadas saíram de suas bases avançadas, aproximando-se ainda mais da fronteira com a Ucrânia.  

Oficiais de inteligência já haviam identificado a possibilidade de um ataque nesta semana, mas a Rússia afirma que é apenas histeria de propaganda dos EUA e o restante do Ocidente. Por outro lado, Putin tem conversado mais com os líderes ocidentais. Na segunda-feira ele se reuniu com o chanceler alemão Olaf Scholz, onde conversaram sobre a tensa situação.