Mau tempo obriga SpaceX e NASA a adiarem retorno a Terra de nave espacial com experimentos científicos

Cargo Dragon da SpaceX- Foto: NASA

Devido às más condições climáticas, a NASA e a SpaceX decidiram adiar o desacoplamento da cápsula de carga Cargo Dragon, da SpaceX, que aconteceria hoje, dia 11 de janeiro, às 11h35. 

A missão (CRS-21) que foi lançada no dia 6 de dezembro levou suprimentos para a tripulação da ISS, que atualmente conta com sete pessoas.

A carga útil principal do Cargo Dragon foi uma câmara pressurizada NanoRacks Bishop, que será acoplada roboticamente ao módulo Tranquility. O Bishop aumentará a capacidade de pesquisa espacial externa na estação espacial beneficiando organizações públicas e privadas.

Foguete Falcon 9 decolando com a cápsulo Cargo Dragon- Foto: NASA

Assim que for agendada seu retorno a Dargon Crago vai trazer alguns experimentos feito pelos astronautas abordo da ISS, além de demais cargas.

A Dragon Cargo vai fazer sua uma amerissagem (pouso na água) na costa do estado norte-americano da Flórida.

“Teremos um desfile de pesquisadores prontos no Centro Espacial Kennedy esperando para receber amostras”, disse a líder de voo de utilização do Escritório de Integração de Pesquisa de Kennedy, Mary Walsh.

A SpaceX do empresário Elon Musk, que recentemente está no topo da lista das pessoas mais ricas do mundo, está investido bastante no setor espacial, inclusive com humanos, visto que já foram realizados dois lançamentos tripulados para ISS. Um terceiro lançamento está previsto para este ano.


Tripulação da Crew-1 Foto: NASA

Além disso, a empresa de Musk lança quase que semanalmente foguetes Falcon 9 que levam para a órbita da Terra os satélites Starlinks. Os Starlinks serão uma constelação de satélites que irão fornecer internet de alta velocidade em nível global.

Atualmente já foram lançados mais de 600 stralinks, mas os planos da SpaceX é que sejam lançados 12.000.

 

DEIXE UMA RESPOSTA