Capitão da força aérea sueca,Filip Arildsson . Foto: Per Kustvik/Saab

Aconteceu na fábrica da SAAB na Suécia, em Linköping, mais um marco envolvendo o caça sueco JAS39 Gripen E. O capitão Filip Arildsson da Força Aérea Sueca fez seu primeiro de voo de teste no caça que vai equipar a força aérea do país. Até então só pilotos de testes da SAAB haviam feitos voos no delta sueco. O capitão foi o primeiro militar sueco a voar o caça e diz “estar muito honrado por ter sido escolhido para esse voo”.

“Atualmente, a aeronave não possui nenhum sistema tático. Essa é uma das razões pelas quais a Força Aérea Sueca está envolvida no trabalho de desenvolvimento, uma vez que somos nós que temos competência tática. Vai ser muito divertido fazer parte desse desenvolvimento”, descreveu o capital Filip Arildsson após o voo.

SAAB Gripen E- Foto: SAAB

Assim como o Brasil a Suécia vai opera o caça tecnológico da SAAB, a frota de caças Gripen E vai substituir os atuais Gripen C/D. Os caças suecos inclusive vão aderir a tela única, que é um projeto da empresa brasileira AEL projetado para os Gripens E da FAB, que devem chegar ao país em 2021.

Os capitães Gustavo de Oliveira Pascotto e Ramon Santos Fórneas da FAB voaram caças Gripens quando estavam fazendo o curso da aeronave em 2014. Lá na Suécia eles receberam as devidas explicações sobre o projeto do Gripen E e estão passando o conhecimento que lá tiveram para os demais pilotos da FAB. Na Suécia ainda há mais brasileiros, que estão ligados a Embraer e as demais empresas do Brasil que estão envolvidas na construção do Gripen F-39 para a FAB.

Gripen E da FAB decolando para seu voo inaugural-Foto; SAAB

Nosso primeiro Gripen E fez seu primeiro voo em agosto passado e atualmente se encontra nas várias fases de testes necessárias para a certificação da aeronave. Os 36 caças F-39 vão ficar sediados na ALA 2, em Anápolis- GO.

Fonte de apoio: Cavok/ Edição: Aeroflap

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA