Presidente da França anuncia que próximo porta-aviões francês terá propulsão nuclear

O presidente francês, Emmanuel Macron, anunciou ontem, dia 8 de dezembro, que o próximo porta-aviões francês terá propulsão nuclear. A futura embarcação vai substituir o atual porta-aviões francês, Charles de Gaulle. 

A previsão que é os trabalhos de construção da embarcação comecem em 2025 e a capacidade operacional do PANG (porta-aviões de nova geração) deverá acontecer me 20238.

O futuro porta-aviões francês terá aproximadamente de 300 metros de comprimento e 80 metros de largura, com um deslocamento de cerca de 75 mil toneladas, e terá uma velocidade de 27 nós, a tripulação será de cerca de 2.000 marinheiros.

Caça Rafale M decola do porta-aviões Chales de Gaulle- Foto: AFP via Getty Images

Uma novidade será o novo modo de catapultar as aeronaves embarcadas, ao invés de usar as tradicionais catapultas de pressão, o porta-aviões será equipado com o novo Electromagnetic Aircraft Launch System (EMALS), ou seja, o sistema de catapulta será eletromagnético. A empresa que vai fornecer isso é a norte-americana General Atomics Electromagnetic Systems (GA-EMS).

Os EUA estão usado o sistema EMALS no seu mais novo porta-aviões, o USS Gerald R. Ford (CVN 78), que atualmente de encontra em fase de testes.

Em relação a frota de aeronaves que irão compor a nova embarcação francesa, estão os Dassault Rafales M e nos futuros Future Combat Air System (FCAS).

 

DEIXE UMA RESPOSTA