Caça SU-27SM escoltando um TU-160 sobre o Mar Negro- Foto: Russian Airforce

Bombardeiros estratégicos e supersônicos TU-160 da Rússia fizeram um treinamento com caças Sukhoi SU-27SM sobre o Mar Negro, no último dia 16 de abril.

O treino, segundo o serviço de imprensa do Distrito Militar do Sul, seria um plano de fundo ao exercício Sea Shield-2019, da OTAN.

“Os caças da 4ª Força Aérea e do Exército de Defesa Aérea do Distrito Militar do Sul escoltaram os bombardeiros estratégicos Tupolev-160 e praticaram a interceptação de alvos aéreos”, disse o serviço de imprensa da Força Aérea da Rússia.

“O treinamento prosseguiu contra o exercício naval da OTAN, Sea Shield – 2019, que proporcionou um bom histórico para que a Frota do Mar Negro e as unidades da Força Aérea e Defesa Aérea pratiquem tarefas de combate em condições reais”, disse o serviço de imprensa.

Os caças SU-27SM assim que decolaram de um base aérea situada na Crimeia, foram ao encontro dos bombardeiros TU-160, cumprindo posição de defesa ao lados dos grandes bombardeiros.

Faz sentido os russos realizado esse treinamento justo na época que foi realizado o exercício Sea Shield, como uma possível resposta aos participantes, principalmente aos EUA.

O exercício Sea Shield 2019 da OTAN, que também ocorreu no Mar Negro, contou com a participação de vários navios e aeronaves navais dos Estados Unidos, Bulgária, Grécia, Canadá, Holanda, Romênia e Turquia, além de representantes militares da Geórgia e Ucrânia.