Aeronave Poseidon P-8A da Us Navy- Foto: U.S. Navy by Mass Communication Specialist 2nd Class Juan S. Sua/Released

A US Navy está ajudando as Forças de Defesa do Japão na localização do piloto japonês, que sofreu um acidente envolvendo a queda do caça F-35A Lightning II, no último dia 9 de abril.

Uma aeronave de patrulha marítima P-8A Poseidon, da US Navy, está ajudando nos esforços de busca e resgate, com liderança do Japão.

O F-35A perdeu o contato com o radar a aproximadamente 85 milhas a leste da Base Aérea japonesa de Misawa.

F-35A da JASDF. O F-35A que caiu foi o primeiro a ser montado no Japão. Na foto em questão ele aparece decolando em um exercício em 2018.

Um P-8A juntou-se a aviões da JASDF, e também aos navios da Força de Autodefesa Marítima do Japão, pesquisando a área dos destroços durante a noite. 

Além das buscas por meio aéreo, um destróier USS Stethem (DDG 63) está navegando para a área de busca.

A responsável pela missão de busca e resgate é a 7ª Frota dos EUA, que oferece segurança ao lado de aliados e parceiros em todo o Indo-Pacífico livre e aberto. Como a maior frota expedida pela Marinha dos EUA, a 7ª Frota opera aproximadamente 50-70 navios e submarinos e 140 aeronaves com aproximadamente 20.000 marinheiros.