Foto: FlyBosnia

A companhia de bandeira da Bósnia e Herzegovina, atualmente não possui nenhuma aeronave para operar. Isso se deve a crise do Covid-19 na aviação, fez com que a empresa cortasse toda sua frota para tentar se reestruturar e sobreviver. 

Dando continuidade ao processo de reestruturação, a companhia agora passará a operar o Airbus A320. Este em especifico, possui 26 anos de idade e atualmente pertence a United Airlines com a matrícula N419UA, e logo será repassado a FlyBosnia.

O A320 deixou de voar pela companhia americana no dia 6 de outubro, quando decolou de São Francisco para o Arizona. O Aeroporto de Tuscon no Arizona é conhecido por um local de armazenamento de aeronaves. O A320 está previsto para ser entregue a FlyBosnia no começo de 2021.

A FlyBosnia aposentou o seu Airbus A319 no começo desse ano, entretanto o avião ainda foi utilizado para transporte de suprimentos da Covid-19. Durante todo o 2020 a companhia não operou nenhum voo regular, pois a crise atingiu gravemente toda a aviação no país.

Agora a companhia planeja uma retomada em 2021, e conforme as condições melhoram a companhia pretende dar mais passos para voltar a operar. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA