Hoje quero dedicar este artigo à ALTA que comemorou seu 42º aniversário em 8 de abril.

Quando entrei na ALTA, em 2020, conheci uma equipe muito coesa e uma organização com 40 anos de trajetória que havia acabado de completar uma profunda renovação estrutural, de identidade e cultural que lhe permitiria servir de forma mais ágil seus membros. Uma transformação crítica para preparar a ALTA para dois anos extremamente desafiadores.  

Enfrentar grandes desafios com esta equipe, correr riscos, celebrar alegrias, dar as boas-vindas a novos colegas, trabalhar lado a lado em novas ideias é sempre um privilégio e, para toda a equipe da ALTA, a minha maior estima. Seu compromisso diário torna possível o que fazemos. Desde 2020 demos as boas-vindas a 21 novos membros (sendo 10 nos primeiros 3 meses de 2022), assinamos alianças com 6 parceiros e logo anunciaremos mais pessoas e companhias que nos dão sua confiança e demonstram seu compromisso com o trabalho articulado e que une esforços como uma só equipe. Neste primeiro trimestre também demos as boas-vindas à equipe a três novos profissionais e continuaremos crescendo e ampliando o escopo de ALTA para continuar servindo a nossa indústria. É uma honra fazer parte deste grupo de pessoas com tanta experiência, criatividade, empenho e valores. 

Continua depois do anúncio

Hoje estamos no caminho da recuperação. É certo que ainda temos desafios a enfrentar, mas uma visão clara de que a aviação desempenha um papel fundamental na região e será o motor mais poderoso do crescimento econômico e social da população. Por isso, os nossos esforços estão voltados para reabrir os céus sem restrições ineficientes, com regulamentações inteligentes e com oportunidades para todos.  

Temos pela frente um futuro verde, cheio de esperança e de iniciativas que farão do transporte aéreo um serviço sustentável e com um impacto ambiental consideravelmente reduzido. É nossa missão construir pontes de colaboração e promover instâncias de trabalho articulado entre governos e indústria para alcançar os objetivos traçados.  

Incentivar programas de produção de SAF na região, apoiar a investigação e o desenvolvimento da cadeia de abastecimento na produção de SAF e criar um quadro regulamentar adequado para acelerar os investimentos é fundamental para o efeito, sendo algumas das medidas aprovadas pelos Estados que fazem parte da CLAC para desenvolver uma indústria que produz combustíveis sustentáveis para a aviação na região em maior escala, com melhores custos e acelerando a sua implementação, ao mesmo tempo que gera empregos e oportunidades.  

Continua depois do anúncio

Esta data de aniversário é uma excelente ocasião para fazer uma pausa, agradecer o caminho percorrido e renovar forças para manter voo alto, para gerar novas ideias e reiterar nosso compromisso fundamental: desenvolver a aviação na América Latina e no Caribe e gerar benefícios econômicos e sociais para a população.  

Gostaria de aproveitar o momento para agradecer aos meus antecessores pelo seu legado, aos nossos membros, que demonstram diariamente a sua confiança na ALTA, a todas as pessoas que fazem parte dos comitês, projetos, campanhas e eventos da ALTA. Gostaria de reconhecer Roberto Alvo, CEO da LATAM Airlines e atual Presidente do Comitê Executivo da ALTA, pelo seu apoio, fundamental para continuar fortalecendo a ALTA, e ser referência em inovação e trabalho para alcançar os objetivos ambientais. Nesta mesma semana, no Chile, Roberto anunciou a meta da LATAM de atingir 5% de uso de combustível sustentável em 2030 privilegiando a produção na América do Sul. Uma iniciativa importantíssima que sem dúvida ajudará a acelerar o desenvolvimento de uma indústria de produção de SAF na região, gerar oportunidades e reduzir mais rapidamente os impactos do transporte aéreo. 

A todos os nossos membros, contem com a ALTA. Estamos trabalhando incansavelmente para gerar eficiência para a indústria, otimizar custos, melhorar as operações com regulações inteligentes, informar aos usuários e stakeholders, capacitar os profissionais que a indústria precisará, no curto e no médio prazo, e construir pontes de colaboração.  

Continua depois do anúncio

Estamos prontos para os próximos anos de voo alto, com e sem turbulências, mas sempre desfrutando a viagem.  

 

Obrigado por sua leitura. Até um próximo voo.

José Ricardo Botelho  

Continua depois do anúncio