Eurofighter Typhoon Kuwait
Um dos dois primeiros caças Typhoon do Kuwait. Foto: Lukas Henrique.

A Força Aérea do Kuwait (KAF) recebeu ontem (07) seus dois primeiros caças Eurofighter Typhoon, fabricados pela Leonardo na Itália. As aeronaves foram entregues em uma cerimônia na sede da fabricante em Caselle, perto de Turino. 

Em 2016, o Governo do Kuwait assinou com a Leonardo (na época Finmeccanica) a compra de 28 caças Typhoon (22 monoposto e seis biposto) por 8.7 bilhões de euros. O cronograma original ditava que as entregas começariam em 2019, mas o programa sofreu atrasos. 

De qualquer forma, a KAF recebeu os Typhoons mais modernos existentes. As aeronaves estão no padrão P3Eb e receberam o radar Captor-E de varredura eletrônica ativa (AESA) e outras atualizações que os demais operadores devem receber no futuro.

O contrato também inclui treinamento, suporte operacional e logístico por três anos e infraestrutura dedicada na Base Aérea Ali Al Salem, onde os caças serão sediados.

Typhoon Kuwait entrega KUNA
Representantes da KAF e do Governo Kuwaitiano na entrega dos primeiros Typhoon do país. Foto: KUNA.

Os Eurofighter Typhoon do Kuwait também serão os primeiros com integração com o pod Lockheed Martin AN/AAQ-33 Sniper, usado para identificar alvos e guiar bombas. Como armamento, os jatos receberão os mísseis ar-solo Brimstone e o míssil de cruzeiro Storm Shadow. Os caças terão provisão para o míssil ar-ar de longo alcance Meteor, mas serão inicialmente fornecidos com o míssil ar-ar de médio AIM-120C-7 AMRAAM.

A cerimônia contou com a presença do vice-comandante da KAF, Vice-Marechal Bandar Al-Mezyen, e o embaixador do Kuwait na Itália, Sheikh Azzam Mubarak Sabah Al-Sabah. Mezyen disse à Kuwait News Agency que os dois jatos serão levados ao país na próxima semana. Quando receber seus jatos, o Kuwait se tornará o 8º operador do Typhoon, juntando-se à Itália, Reino Unido, Alemanha, Espanha, Arábia Saudita, Áustria e Omã. 

“Este é um marco em nossa estratégia abrangente para gerar um salto quântico no preparo da Força Aérea do Kuwait e o fruto de uma longa história de cooperação de defesa com a Itália”, disse o segundo em comando da KAF. 

O Typhoon kuwaitiano com o registro CSX55243 taxiando em Turin. Foto: Alessandro Maggia

Segundo o The War Zoneos pilotos de Typhoon da KAF est estão em treinamento operacional com a Força Aérea Italiana, na Base Aérea de Grosseto, sede da unidade italiana de conversão operacional. 

A compra dos Typhoons é parte de uma grande renovação da aviação de caça kuwaitiana. Além dos jatos europeus, o Kuwait também adquiriu em 2018 outros 28 F/A-18E/F Super Hornet, por cerca de US$ 10 bilhões.

As aeronaves já foram entregues à Marinha dos EUA, que deverá repassar os caças à KAF nos próximos meses. O cronograma de entrega dos Super Hornets sofreu atrasos por conta da pandemia de Covid 19. 

Super Hornet Kuwait
F/A-18E Suoer Hornet do Kuwait. Foto: Brian Barsley.

A Força Aérea do Kuwait opera 34 caças F/A-18C/D Hornet na base Ahmad al-Jaber, no sul do país. Em novembro, o Comandante da Força Aérea Real da Malásia (RMAF) confirmou que o país tem interesse em adquirir caças F/A-18D Hornet usados pela KAF. 

DEIXE UMA RESPOSTA