Primeiro Gripen E da Força Aérea Brasileira chega no Brasil

Gripen
Gripen F-39E da FAB-Foto; SAAB (Imagem Ilustrativa)

Está desembarcando hoje (20/09) em Navegantes (SC) o primeiro caça Gripen E encomendado pela Força Aérea Brasileira. A aeronave está chegando embarcada no navio mercante Elke AG, que já está aguardando para entrar no Porto de Itajaí (SC).

A entrada no porto é realizada com auxílio de barcos rebocadores. A viagem foi iniciada no dia 29 de agosto, e neste momento (tarde de domingo) o navio já está atracado no porto de Navegantes.

Navio no porto de Itajaí.

A aeronave já está na área de cargas do Porto de Itajaí, e será transportada ainda hoje para o Aeroporto Internacional de Navegantes. Vale ressaltar que o Gripen E está totalmente montado, e voará de Navegantes para Gavião Peixoto nesta semana.

Em Gavião Peixoto, local de produção da Embraer para a aviação militar, a aeronave realizará alguns testes em solo brasileiro, e utilizando pilotos de testes do Programa Gripen E na Força Aérea Brasileira.

Gripen E da FAB decolando da fábrica da Saab em seu primeiro voo- Foto: Saab

O Gripen E estará totalmente operacional em 2021, mas antes deverá realizar um voo de demonstração nas comemorações da FAB ao Dia do Aviador, 23 de outubro. O evento será realizado na Ala 1, localizada no Aeroporto de Brasília.

O Brasil terá 36 caças Gripen E/F, que serão designados pela FAB como F-39. Os caças ficarão sediados na ALA 2, em Anápolis (GO), sob responsabilidade do 1º Grupo de Defesa Aérea.

Cockpit do caça Gripen NG da FAB. A tela é produzida no Brasil, até para os caças suecos. Foto: FAB

Um dos pontos fortes da compra do caça é a transferência de tecnologia, ou seja o Brasil vai aprender a construir o caça, tanto que uma parcela destes 36 serão construídos no Brasil, sendo que essa etapa já começou.


Os Gripen E/F substituirão aos poucos as unidades do F-5EM/FM e do A-1 AMX, padronizando a frota e melhorando a capacidade de combate da FAB.

 

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Aeroflap (@aeroflap) em

DEIXE UMA RESPOSTA